Página Inicial

 

 
PET'S SHOP
FAÇA SUA LOJA
PET ID
ADOTE UM PET
ACHADOS  PERDIDOS
PET MATRIMONIAL
PET TRAVEL
EVENTOS
CLUBE PETFRIENDS
PET'S E FAMOSOS
EXÓTICOS CURIOSOS
CONTOS  HISTORIAS
OPINIÕES PET'S
CAMPEÕES 
TV PET FRIENDS
ENCONTROS
ASTROLOGIA
CONSULTA ON-LINE
MUNDO VETERINÁRIO
FÓRUM
ONDE ESTAMOS
CHAT VET
FAÇA SEU SITE
CÃES
GATOS
PEIXES
AVES
RÉPTEIS
OUTROS
POSTAIS ON-LINE
JOGOS
PET'S FAMOSOS
PARA COLORIR

Coloridos, espertos e verdadeiros amigos

O periquito australiano, além de atrair a atenção por causa de suas belíssimas e variadas cores, dá pouco trabalho e sua criação é muito barata.

A combinação de cores mais comum dessa espécie, originária da Austrália, é o verde-claro com um pouco de amarelo, mas também se encontram com freqüência espécimes completamente azuis - ou simplesmente amarelos, verdes e brancos. Há ainda alguns exemplares que misturam todas essas cores. 


Os periquitos australianos são espertos, dóceis companheiros e menos barulhentos do que se imagina. Podem ser facilmente encontrados nas lojas especializadas.


Embora tanto o macho quanto a fêmea sejam ótimos animais de estimação, criadores mais cautelosos recomendam a compra de um filhote macho com cerca de 6 semanas, menos agressivos do que as fêmeas. O iniciante não deve comprar dois machos logo de início, porque certamente eles irão se estranhar. Se forem duas fêmeas, pode ficar tranqüilo, pois elas não se agridem. Mas o ideal mesmo é começar com um casal.


Esses pássaros procriam facilmente e chegam a viver 12 anos. Para obter um bom acasalamento, o ideal é que eles namorem pelo menos uns três meses. O especialista da loja de sua preferência vai dizer como deve ser feita essa aproximação, se com uma ou duas gaiolas (tem gente prevenida que já pensa nas acomodações dos filhotes). Depois da "lua-de-mel", os ovos chegam em cerca de 21 dias. A primeira ninhada geralmente é pequena, mas a partir da segunda podem vir até 6 filhotes.


A princípio, o casal e os filhotes podem viver muito bem em uma gaiola de dimensões básicas. Só que, depois de uns 45 dias, a fêmea vai começar a "afugentar" a cria, porque quer tranqüilidade para voltar a acasalar.


Não se esqueça dos poleiros e brinquedos, além de uma banheira para cada gaiola, já que o periquito australiano adora tomar banho.

Alimentação


Quanto à alimentação desses maravilhosos bichinhos, ela se constitui basicamente de sementes vitaminadas e pedra de cálcio tanto para os filhotes como para os adultos. Com a pedra de cálcio os periquitos afiam e calcificam o bico, além de evitar a ocorrência de fungos na região.


As rações adequadas ao fino paladar da "família australiana" incluem girassol, painço, aveia e alpiste. Frutas, todas, menos as cítricas. As verduras com as quais eles se dão
melhor são as amargas e escuras, como o espinafre (sempre bem lavado), além dos talos de cenoura, brócolis, pimentão e até jiló. Alface e folhas claras são um perigo, pois podem ocasionar desequilíbrios orgânicos e até infecções.

E a comida dos humanos, pode? Se for ovo cozido, macarrão, milho verde, bolacha de água e sal e pão torrado, sim. Para beber só água, que deve ser trocada diariamente.

Eles se adaptam muito bem em apartamentos e casas pequenas, mas quem tiver espaço para colocá-los em grandes viveiros vai ver a festa que são capazes de fazer. São ótimos companheiros para jovens e idosos, mas merecem atenta observação quando perto de crianças. 

Se você trocar todo dia o jornal do fundo da gaiola (recomenda-se fundo duplo, de grade), lavar semanalmente seus poleiros e não os deixar expostos à friagem, os seus periquitos saberão que estão sendo tratados com carinho.

 

inicio l quem somos l cadastre-se l contato
Copyright© 2000 PetFriends. Todos direitos reservados. All rights reserved
1